Após reforma, Hospital Municipal reabre parcialmente em Campo Alegre de Lourdes

CAPA

Matéria atualizada em 10/02/2017 às 19h30 horário de Brasília

Da redação

Nesta quinta-feira (9/02) foi reaberto o Hospital Municipal de Campo Alegre de Lourdes.

Depois de um mês interditado para reforma, pelo atual prefeito Dr. Enilson Marcelo Rodrigues da Silva, o hospital reabre com algumas limitações, ainda não é possível realizar cirurgias e partos cesarianas. De acordo com o médico Dr. Ernane, falta o credenciamento para a realização de internações cirúrgicas.

Segundo nota divulgada pela prefeitura, estão disponíveis na Unidade de Saúde os seguintes procedimentos:

Urgência/emergência;

Internações;

Consultas e acompanhamentos médicos;

Durante a reforma foram colocados ar condicionado e maquinário de lavanderia, além de acabamento feito no centro cirúrgico, e pronto-socorro.

Alguns equipamentos foram restaurados e outros substituídos.

EQUIPAMENTOS REPAROS- 900 X 600

BLOCO CIRÚRGICO:

BLOCO CIRURGICO- ANTES

BLOCO CIRURGICO- DEPOIS

Entramos em contato com a Secretaria Municipal de Saúde para maiores detalhes sobre a reforma e a agenda do atendimento médico. Fomos informados que a escala definitiva dos médicos ainda não está pronta. Contudo, obtivemos a seguinte nota de esclarecimento sobre o que foi feito durante os 30 dias  de reforma:

Coleta do lixo acumulado dentro e fora do hospital;
Limpeza da cisterna para uso de água potável;
Troca da porta principal que estava quebrada;
Troca e conserto de fechaduras e portas internas da unidade hospitalar;
Pintura e reposição de móveis da recepção e consultórios;
Conserto, reposição e limpeza de ar condicionado;
Reparo de toda a parte hidráulica da unidade;
Pintura e reposição de todos os equipamentos;
Compra de medicamentos para farmácia do hospital;
Lavagem e desinfecção completa da unidade hospitalar;
Conserto e reposição das máquinas da lavanderia;
Conserto do gerador de energia;
Conserto do equipamento de Raio X;
Conserto de autoclaves;
Reposição de lençóis;
Reforma do Centro Cirúrgico;
ntura de toda a unidade hospitalar.

Sobre o atendimento:

Atendimento passa ser realizado por regime de plantão para os profissionais da área da saúde. Haverá sempre um médico para realizar as consultas ambulatoriais e outro no atendimento de urgência e emergência.

O quadro de médicos será composto das seguintes especialidades: Clínico Geral, Ortopedia, Ginecologia e Cardiologia.
No total são 3 enfermeiros, 13 técnicos em enfermagem, 1 farmacêutico, 2 recepcionistas, 2 técnicos em Raio X, 1 agente administrativo e seus auxiliares de limpeza, duas pessoas na lavanderia, duas cozinheiras e 4 vigilantes.

Sobre o corpo médico que estará atendendo tanto no hospital quanto nos postos de saúde, foram divulgados os seguintes nomes: Dr. Dirceu, Dr. Ernane, Dr. José Neto, Dr. Reinaldo, Dr. Glauber, Dra Anita, Dr. Valdir Neto, e  Dr. Alessandro (irmão do prefeito).

MÉDICOS -900 X 600

Da esquerda para direita: DR. JOSÉ NETO/ DR.ERNANE/ DR.DIRCEU/ DR. REINALDO/ E DR. ENILSON (PREFEITO)

 

RECEPÇÃO:

ATENDIMENTO- 900X 600

 

Fotos: Reprodução



Jornalista - MTB 10997-DF/ Radialista - DRT-DF 6416 Poeta, escritor, autor do livro de poesias "Explicação Universal" lançado pela editora Scortecci.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *