Governo fecha contrato com empresa privada e garante voos para São Raimundo Nonato no Piauí

aeroporto

Fonte: Portal SRN/ Weslley Moreira

Um contrato de patrocínio com a empresa TW Fly foi firmado pelo Governo do Estado para desenvolver o projeto Voa Piauí – Do litoral a Serra da Capivara. A empresa piauiense deve realizar vôos regulares em quatro macrorregiões como Parnaíba (Litoral), Teresina, Picos e São Raimundo Nonato (Serra da Capivara).

Com a finalidade de promover o turismo, o projeto possibilita a divulgação das potencialidades e também a infraestrutura necessária para o estado receber turistas de outras localidades.

O litoral piauiense possui belas paisagens, estabelecimentos rústicos e boa culinária. Além do litoral, a cidade de São Raimundo Nonato também ganha destaque, especificamente, o Parque Nacional Serra da Capivara e seus inúmeros sítios arqueológicos. Em outra frente turística, no turismo de negócios e serviços, destacam-se Teresina e Picos.

Para o secretário do Turismo do Piauí, Flávio Nogueira Júnior, além de  fomentar o turismo no estado, a movimentação no Aeroporto da Serra da Capivara trará benefícios para a economia local. “Sem dúvidas esse é um importante passo. Dentre os locais, temos o Aeroporto da Serra da Capivara pronto para receber os turistas. Assim como melhorias para a região, queremos despertar o interesse das pessoas em conhecer nossas riquezas e nossas belezas naturais”, destaca o secretário.

 

 

Ainda de acordo com o gestor, a empresa está aguardando a liberação da Agência Nacional da Aviação Civil (Anac) parainiciar os trabalhos. “Os voos devem ocorrer duas vezes na semana. A empresa deve iniciar com divulgação e parcerias com agências de viagens conhecidas internacionalmente”, finaliza Nogueira Júnior.

Crise
Esta semana a arqueóloga Nièden Guidon, presidente da Fundação Museu do Homem Americano, declarou que o Parque Nacional Serra da Capivara, poderá fechar suas portas nos próximos meses. Segundo ela, os cofres da instituição recebem recursos insuficientes para manter o patrimônio.

Nièden Guidon declarou que o funcionamento do aeroporto de São Raimundo Nonato, poderia trazer mais investimentos para o parque. “Se o aeroporto estivesse funcionando, a instituição receberia mais turistas.  O parque deveria contribuir para o desenvolvimento econômico da região, mas falta incentivos e reconhecimento”,  declara  Nièden Guidon.



Jornalista - MTB 10997-DF/ Radialista - DRT-DF 6416 Poeta, escritor, autor do livro de poesias "Explicação Universal" lançado pela editora Scortecci.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *