Professores de Campo Alegre de Lourdes vão às ruas para defender seus direitos

CAPA- MANIFESTACAO

Da redação

Na manhã dessa quarta-feira (16/03), os professores da rede municipal de ensino em Campo Alegre de Lourdes na Bahia foram às ruas para cobrar o cumprimento de seus direitos. Em uma manifestação organizada pela classe, dezenas de professores protestaram pelas ruas da cidade em direção à prefeitura, com cartazes e faixas. A principal reivindicação dos professores é o cumprimento do plano de carreira que segundo eles, está sendo desrespeitado pela secretaria municipal de educação.

Em assembleia, os docentes decidiram aderir à greve nacional de três dias (15,16 e 17), mas de acordo com a pauta de reivindicação, se não obtiverem nenhum retorno da atual prefeita, a greve continua por tempo indeterminado.

Um ofício com os principais pontos discutidos foi entregue nas mãos da prefeita e aguarda contato para um possível acordo.

Recentemente, a secretaria de educação reduziu a carga horária e o salário de alguns professores, contrariando dessa forma o contrato feito entre eles e o órgão municipal.

O quadro de servidores da prefeitura de modo geral, é composto de uma boa parte de contratos temporários, e poucos concursados.

A atual prefeita não acatou o último concurso realizado ainda no ano de 2012, e preferiu efetuar contratos temporários, muitas vezes com caráter de cunho a favores políticos. Muitos concursados entraram com mandado de segurança e aguardam decisão da justiça.

A situação dos salários dos professores também é preocupante. Sempre são pagos em atraso.

Enquanto os professores protestam, a prefeitura anuncia inauguração de algumas escolas. Contudo, o estado de alguns prédios escolares está deixando alunos, pais e professores preocupados. Escolas no interior, como no povoado Jiquitaia que está em péssimas condições; escola na estrada dos Martins que está sendo tomada de sujeira e degradação. O próprio Colégio Municipal Luiz Eduardo até o mês passado estava sendo tomado pelo mato.

LUIZ EDUARDO

Colégio Luiz Eduardo no início desse ano

A manifestação ocorrida nessa quarta-feira, desperta na população o sentimento de liberdade e desabafo em meio a tantos descasos que ocorrem na administração local.

1-E

2

3

4

5

6

8

9

10

11

13

17

22

26

1-B

1-D



Jornalista - MTB 10997-DF/ Radialista - DRT-DF 6416 Poeta, escritor, autor do livro de poesias "Explicação Universal" lançado pela editora Scortecci.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *